sexta-feira, 26 de setembro de 2008

Hold me, love me!

Eu poderia olhar nos teus olhos por horas, tocar tuas mãos geladas até as minha gelarem, ou te acariciar até dormir.
Eu poderia ficar falando besteira pra te ver sorrir;
Poderia te fazer surpresas e cócegas também. Te fazer feliz!
Mas algo em ti, que não é a reciprocidade que existe entre nós, te faz evitar o inevitável.
Por que fugir de algo tão bonito?
Queria poder te enfiar a idéia de que não é feio amar, seja qual for a circunstância.
Isso anda me magoando, me deixando sem forças.
Sei que também queres.
A tua inconstância me faz desnortear!
Só queria que desse essa chance para o possível "nós", que desatará outros tantos da tua mente confusa!
Pensei em esconder esse sentimento, mas acho que ele por sí só, transparece por meus olhos.
Estou esperando a tua hora.

2 comentários:

Ed Anjos (y) disse...

meu-deuus :o
vc arraza.

Por que fugir de algo tão bonito? (2)
ando com essa pergunta na cabeça ;~

Morais, Jozeanne disse...

Talvez as coisas bonitas demais assustem. Por isso algumas pessoas fogem delas.